Skip Navigation Links. | Skip Navigation Links. | Skip Navigation Links. | Skip Navigation Links. | Skip Navigation Links. | Skip Navigation Links. | Skip Navigation Links. | Skip Navigation Links.
Skip Navigation Links. Skip Navigation Links.


_
10/12/2018
Procurador do Estado obtém título de livre-docente na USP


O procurador do Estado Walber Agra é o primeiro integrante da Procuradoria Geral do Estado de Pernambuco (PGE-PE) a obter titulação de livre-docente. A PGE-PE conta com sete procuradores com título de doutorado (incluído Walber) e 18 com título de mestre. Professor da Faculdade de Direito do Recife (FDR/UFPE), o procurador prestou o concurso de livre-docência no Departamento de Direito Econômico, Financeiro e Tributário na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP).

O exame – com prova escrita, prova didática e arguição de tese – foi realizado entre os dias 3 e 6 de dezembro. A banca foi composta pelos professores titulares  Gilberto Bercovici (USP – presidente), André Ramos Tavares (USP), Francisco de Queiroz Bezerra Cavalcanti (UFPE), Marcus Faro de Castro (UnB) e Marcelo Andrade Cattoni de Oliveira (UFMG).

Walber Agra defendeu tese sobre o tema “Poder econômico, financiamento eleitoral e a não concretização da constituição econômica”. Conforme explicou, o procurador conclui, em sua tese, que “não adianta proibir as pessoas jurídicas de contribuírem na campanha porque o financiamento infelizmente é um investimento no sentido de lucro e bastante rentável. Quando se veda as pessoas jurídicas de contribuir, elas vão procurar outros meios porque sempre o poder econômico vai tentar capturar o poder político”.

Procurador do Estado de Pernambuco desde 1999 e professor da FDR/UFPE desde 2013, Walber Agra tem pós-doutorado em Direito Constitucional pela Universidade Montesquieu Bordeaux IV (título obtido em 2008), é doutor em Direito pela Universidade Federal de Pernambuco/Università degli Studio di Firenze (2003) e mestre em Direito pela Universidade Federal de Pernambuco (1999). 

Agra destaca que a obtenção do título de livre-docente na USP também ajudará no desempenho das funções de procurador do Estado. “É um título bastante restrito e abre portas para que eu possa melhor representar a minha instituição”, afirma. 


Clique aqui para ver mais notícias

Clique aqui para ver mais fotos


  Web  |  Mobile  
PGE/PE_UInf_Eqp.Sistemas_2008_2017